Contos do Adamastor

Estorias surreais de pessoas irreais, contadas por um advogado ranzinza, carente, gentil e docil como um pequeno sagui silvestre. Nao recomendado para minorias intelectuais ou pessoas que se ofendem facilmente. Email: adamastor-em-gmail.com (sim, eu tenho um email do Google. Isso porque eu sou um nerd influente e poderoso)

11.8.03

Dicas sábias (e pretensiosas) do Tio Adamastor:

01. Na dúvida do que falar, fique quieto. Essa máxima vale em compromissos profissionais, festinhas, trepadas e interrogatórios policiais. Só não vale em audiências nas Justiças Cível e Trabalhista, pois o silêncio importa em confissão.

02. Se não tem intimidade com alguém, não faça piadinhas para descontrair. Há o risco de você ser mal-interpretado. Fale sobre o tempo, a criptografia de chaves públicas ou sobre a importância das sebes francesas nas batalhas da Segunda Guerra Mundial.